Mike Mangini começou a estudar música aos 5 anos de idade. Estudou percussão reservadamente com Walter Tokarczyk dos 10 aos 18 anos de idade. Desde 1987 ele dá aulas particulares para bateristas, guitarristas e pianistas. Mike fez seus primeiros workshops em 1996, e desde então tem viajado pelo mundo com clínicas, esgotando salas em 40 países diferentes.

Ele passou bastante tempo nos estúdios de gravação. Em seus créditos de Rock mais celebrados incluem 6 registros em 4 anos, com Steve Vai, Waiting for the Punchline em Extreme, Set the World on Fire, Metal & All for You por Annihilator (Mullmuzzler 1, 2, e elementos de persuasão) com James Labrie do Dream Theaters e Turist pelo artista Pop, Chris Emerson.

Quando ele fala da importância de ser capaz de se relacionar com os outros “dentro e fora dos holofotes”, ele está falando por experiência própria. Tocou em mais de 40 países por diversas vezes, ganhou as honras de excelente músico por 7 vezes em grandes eventos, e é muito ativo, com estreitas relações de vários anos de endorses. Mike Mangini também ganhou o respeito de seus alunos em um nível pessoal e profissional com a maior percentagem de estudantes (em três anos consecutivos) para todos os professores universitários no contexto nacional.

Awards de Mike Mangini:

Nomeação do Grammy: Rock Instrumental – Steve Vai> For the Love of God (1997 – gravado ao vivo), Windows to the Soul (1999)

Awards ganhos como Percussionista: All East-USA Orchestra 1st Chair (1980), All Mass. State (1977-1981), All East Mass. District (1977-1981), Waltham High School John Phillip Sousa Award (1981), Waltham Central Junior High Band Director’s Award (1977)

Awards ganhos como  baterista de Jazz: All Mass. State (1981), All East Mass District (1980, 1981), Seven NAJE Jazz Festival “Outstanding Musicianship” Awards (1980-1981), Waltham High School Louis Armstrong Award (1981)

Official W.F.D. World’s Fastest Drummer in five categories (2002 – até hoje.)

Reader’s Polls – Modern Drummer, DRUM! for Up &Coming, Best Clinician. Best Progressive & Best Book –> All Top 5 finishes from (1997-2005)

Concurso de solo de bateria e seção ritmica: Boston’s Best Drummer (1989)

Tocou e gravou com:

Skunk Baxter (Steely Dan,) Brad Delp/Barry Goudreau/Fran Sheehan (Boston,) Steven Tyler (Aerosmith,) Darrel (Run DMC,) James Montgomery, Charlie Farren, Johnny A., Nuno Bettencourt/Pat Badger/Gary Cherone (Extreme whole band, as well as, separately,) Patrick Benti, Steve Vai, Mike Keneally, Philip Bynoe, Steve Perry (Journey,) Jane Pitrelli, Waltham Percussion Ensemble Alumni, Annihilator, Dream Theater (whole band,) James LaBrie (solo,) Brian Bellar, Matt Guillory, Marco Sfogli, Eastman School Orchestra, Joel Thome, Godsmack, Dale Bozzio, Steve Ferlazzo, Brad Miller, um monte de bandas covers e duetos com bateria.

CONTEÚDO VIP

FONTESite de Mike Mangini
COMPARTILHAR
Leonardo Telles
Proprietário do site Som Batera e baterista profissional, descobriu sua paixão pela música muito novo, aos 6 anos de idade. Hoje, toca com vários músicos e partilha conhecimentos por meio do Som Batera.

3 Comentários

  1. MIKE MANGINI É DOS POUCOS BATERISTAS QUE VI USAR VELOCIDADE COM PERFEIÇÃO E OS OUTROS ENTENDEREM O QUE ELE FAZ QUE É O MAIS IMPORTANTES

DEIXE UMA RESPOSTA